quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Letras que merecem ser eternizadas(Jota Quest,O que eu também não entendo)


Essa não é mais uma carta de amor
São pensamentos soltos traduzidos em palavras
Pra que você possa entender
O que eu também não entendo
Amar não é ter que ter sempre certeza
É aceitar que ninguém é perfeito pra ninguém
É poder ser você mesmo e não precisar fingir
É tentar esquecer e não conseguir fugir, fugir
Já pensei em te largar
Já olhei tantas vezes pro lado
Mas quando penso em alguém é por você que fecho os olhos
Sei que nunca fui perfeito mas com você eu posso ser
Até eu mesmo que você vai entender
Posso brincar de descobrir desenho em nuvens
Posso contar meus pesadelos e até minhas coisas fúteis
Posso tirar a tua roupa
Posso fazer o que eu quiser
Posso perder o juízo
Mas com você eu tô tranquilo, tranquilo
Agora o que vamos fazer, eu também não sei
Afinal, será que amar é mesmo tudo
Se isso não é amor, o que mais pode ser
Estou aprendendo também...


(Estou sem sorte no amor,mas ao mesmo tempo MUITO FELIZ porque meu amigo Dinho começou a namorar e está feliz com a sua Mayara,Porque o Will está com sua musa morena também,O Grande Will I am Mello está com a Aninha,e claro por Sandrinho e Debby...enfim,notícias boas para acalentar o coração de titia Laurete!Que todos vocês vivam uma fantástica e duradoura história de amor...)

3 comentários:

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

... ...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazon
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


TE SIGO TU BLOG




CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesia ...


AFECTUOSAMENTE
LAURANDIA




jose
ramon...

Alexandre da Fonseca disse...

BOA NOITE...ADOREI SEU BLOG, SUCESSO E MUITA PAZ...BJS

Laura Lola disse...

Gracias Jose Ramón!Bienvenido ^^

Brigadão pela Visita Alexandre e volte sempre!