sábado, 28 de maio de 2011

Just me



Compus ao som de "Grand Hotel" do Kid Abelha

Quisera eu...


Quisera eu
ter sido covarde o suficiente
Pra não mergulhar inocente
No vulcão chamado você

Tudo pra quê?
Pra depois de alguns dias parcos
Você me dizer que os espaços
Entre eles nem se fizeram valer

Que 1 ano é muito pouco
Quando pra mim 1 ano foi tão louco
Que parece meio século
Não,não seja tão incrédulo
Meu menino confuso...
Se disso cuido,disso uso
Por favor,não me deixe em parafuso!

Quisera eu
Voltar no tempo e não arriscar mais
Não me declarar de primeira
Deixar tudo em tua maneira
e assim quem sabe o nosso caso
Não fosse tão "ao acaso"


Quisera eu
Não ser a parte que mais ama
quem me dera a chama
ardesse em teu peito também
como arde aqui no meu,meu bem...

Quisera eu...

Nenhum comentário: