quinta-feira, 10 de novembro de 2011

"Hangover"




Estou num deserto
cercada pelo clima árido
e meu bom senso,desavisado
foi-se embora de meu ser
sim,eu estou aqui porque mereço
Mereço assim morrer

Fui eu mesma quem chegou
a esse lugar,por próprias pernas
Não foram outros que me prenderam
embora não hajam aqui cavernas

Eu mesma que causei
em minha alma esse estrago
Por essa falta de prudência
por carecer de um afago

E olha só a ironia
ainda estar assim
23 anos de vida
atolada na monotonia
dependente enfim...

Só que um dia a casa cai
uma hora a razão chega
e Deus queira que seja já
por mais uma peça
que a vida me prega

Amar não é pecado
assim canta o vesgo
mas te falo com o corpo rasgado
te conto meu segredo
No meu caso,é sim pecado
pois o amor se não é dosado
se torna um fardo,muito pesado...

Nenhum comentário: