domingo, 27 de novembro de 2011

Just me


Agradeço a Deus,pois pelo que eu pude perceber,minha percepção da vida nunca mais foi a mesma desde 17/10/09.Naquele dia,depois de ver aquelas fotos,de tomar consciência de vez daquele golpe,finalmente a ficha caiu.
Tanto que dessa vez,o impacto foi grande sim,mas as lágrimas não permaneceram no meu rosto.Dessa vez,estou mais "anestesiada",não sofri tanto assim.É,eu sei que tem gente que não acredita,que acha que eu estou dando uma de orgulhosa,mas a verdade é o que eu carrego aqui no meu peito,e posso falar de coração aberto que dessa vez eu não sofri tanto assim.Também né,já era hora:Quinta vez!Não dava pra continuar daquele jeito...
Sexta feira que vem já serão 2 meses.O tempo passou voando...No primeiro dia,pensei que ia morrer.Na primeira semana,pensei que ia sangrar.No primeiro mês,quando todos acharam que eu ia sucumbir,a mão de poder do meu salvador se fez presente e mais uma vez me salvou do abismo.Sim,o amor do pai me salvou!E ele fez isso pra me mostrar que só devo dar honra,glória e louvor a ele e a mais ninguém.As vezes,colocamos pessoas em pedestais,e quando essa pessoa decide partir,sobram apenas os estilhaços,os cacos,quando na verdade quem deveria estar no pedestal é aquele que fez o maior sacrifício de todos,o sacrifício na rude cruz.
Não estou dizendo que não possam existir homens carinhosos e verdadeiramente apaixonados nesse mundo.Eles existem,eu só não fui apresentada a um deles ainda.Ou então será que eu sou tão pé no saco assim e não mereço ser o verdadeiro amor de niguém?Enfim,nada disso importa mais.Quero outro foco.PRECISO de outro jeito de viver.

Que meus poemas sejam dele.Que minhas cartas,sejam para ele.Que a minha voz seja doce,pra cantar pra ele sempre...E que eu nunca mais coloque expectativas em ilusões.Me firma na Rocha pai!

Nenhum comentário: