domingo, 29 de janeiro de 2012

Lamento do tempo ou recomeço?


Queria ter-te conhecido antes, muito antes...
Para que nenhum de nós dois tivesse medos ou cicatrizes.
Queria ter estado contigo, quando o teu coração descobriu o que era AMOR.
Quando teu corpo descobriu o que era DESEJO.
E antes que pudesses sofrer, eu estaria ao teu lado,
amando-te, entregando-me,
e juntos podermos ter aprendido, as lições da vida e do coração...
Queria ter-te conhecido muito antes...
Quando as tuas esperanças começaram a nascer,
quando os teus sonhos ainda eram puros, e os teus ideais ainda ingênuos...
Pena termo-nos encontrado só agora,
já com o coração viciado em outros amores, com uma imagem meio falsa,
do que é felicidade, do que é entregar-se...
Queria ter-te encontrado antes, muito antes...
Numa nova vida, num outro tempo, em que não precisássemos
temer o nosso futuro, nem os nossos sentimentos
Gosto de ti porque em ti, a minha impetuosidade encontrou refreio
Porque a tua ternura retemperou a intrepidez dos meus anseios
E tua serenidade mesclou de paz o meu turbilhão.
Gostei do encanto da tua fala, da magia do teu sorriso
Gostei do teu retrato, da tua prudência e até da tua timidez...
Gostei da tua paciência, do teu jeito único
E mil vezes me pergunto
E AGORA?...

(Adaptado de Autor Desconhecido)

2 comentários:

Zé Henrique disse...

E agora? Meu deus! Prêmio nobel de literatura romântica pra vc!! Lindo, lindo lindo! Muito comovente... ...e cativante.
Me faz lembrar daquela música... "My girl" rsrs

Laura Lola disse...

Ui,ela é poeteira