sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

"M.V.G."


Deixo que retire
da minha alma podridão seca
que inflama,agride
E reside
Na exclamação
de um encontro inesperado

Sim,num local inusitado
Centro de estudo
Que barbaridade
te conhecer na adversidade
foi um absurdo
Mas mais terrível então
seria desistir de ti
te impedir de alcançar
o meu coração.

Um comentário:

Zé Henrique disse...

Uau!
Não impeça msm que isso aconteça...
Deixe fluir!! Que intenso!!

Esse é de te deixar tenso ao ler rsrs