sábado, 18 de outubro de 2014

Baú da Lola (Arquivo Poético)

Compus no primeiro trimestre do ano retrasado.É sempre bom rever o que eu escrevi anteriormente,esse é o único passado válido daqui pra frente. Ah,uma boa notícia:A vida pode ser divertida mesmo assim,e vocês não precisam levar as mesmas pancadas que a tia Lola Laurete levou okayz?Basta conferirem o arquivo desse blog e se ligarem nos meus conselhos.Afinal,um inteligente é aquele que aprende com o erro dos outros.
"Romance Dissecado"

Preciso de formol
Ou quem sabe simancol
Pra entender,analisar
refletir e sem murmurar,
Tentar rumos diferentes.

Na safra da manga agrotóxica
Fui inconsequente.
A timidez não deu lugar
a uma história envolvente.
Hoje somos amigos,
pois viramos,de fato,gente.

E o que falar do grande craque da Rua Volta?
Shevchenko me jogou pra escanteio
E com seis meses de jogo
A partida encerrou-se
Simples assim
Acho que ele nunca gostou de mim
Em seguida vivi
60 meses intrigantes
Os primeiros 24,apaixonantes
e os outros 36,apavorantes.
Senhor,pelo erro que cometi
Me traumatizei bastante...

E precipitada,me joguei
nos braços de um sedutor
Com um mal acabei
Deixei chegar outro amor
Que foi uma verdadeira ilusão
E depois?Decepção

E de ilusão em ilusão
a otária enche o saco
A esperança de vida
Nas mãos de um fiasco

O Mar Vermelho não se abriu
A água não virou vinho
E eu ainda estou no deserto
Mas o meu Senhor está me suprindo.

E pouco a pouco vejo o fantasma sumindo!
Não quero mangas,não quero craques,
não quero mentiras,nem disfarces.
Não quero um herói da fé
se em todos meus esforços de princesa
eu me arrastei aos seus pés...
Não quero um cara perfeito
eu quero um amor verdadeiro
Não com duas faces,
eu DESEJO OS 3 PILARES
esse é meu anseio.
Como não consegui
dentre as 11 alternativas
Resoluta decidi: Não quero mais mágoas pra essa minha vida...

Nenhum comentário: